Confira como ser avaliador de imóveis e saiba quais são os requisitos

como ser avaliador de imóveis

Boa parte das pessoas que sonham em atuar profissionalmente no mercado imobiliário enxergam na corretagem a melhor opção. Contudo, outra possibilidade para quem já é corretor é a avaliação de imóveis. Mas como ser avaliador de imóveis? Quais os requisitos?

Neste artigo, você confere todas as informações sobre como ser avaliador de imóveis e ampliar as possibilidades de sucesso profissional. Veja desde os requisitos básicos até as habilidades essenciais para prosperar nesta área. 

Acompanhe a leitura!


O que faz um avaliador de imóveis?

O avaliador de imóveis determina o valor justo de um imóvel, com base em diversos fatores como: localização, área, estado de conservação, características construtivas, valor de mercado e tendências do setor. 

A análise feita por esse profissional garante segurança para compradores, vendedores e instituições financeiras em transações imobiliárias, financiamentos e processos jurídicos.

Qual o salário de um avaliador de imóveis?

De acordo com o portal Salário, a média salarial para um avaliador de imóveis no Brasil é de R$2.224,68 ao mês. No entanto, vale considerar que essa média pode variar bastante de acordo com a localização, experiência profissional e formação.

Como ser avaliador de imóveis: requisitos necessários

Com a retomada do mercado imobiliário, a demanda de trabalho para os avaliadores de imóveis também sobe. Então, essa carreira aparece como uma boa oportunidade para a realização profissional de muita gente. 

Mas, como dito anteriormente, a avaliação de imóveis é uma atividade especializada que exige conhecimento técnico sobre imóveis e do mercado, além de atenção a detalhes e uma boa base de competências específicas. 

Por isso, para exercer esta função, o mais comum é que o indivíduo já seja um corretor, e que tenha CRECI ativo (registro profissional). Afinal, as duas profissões acabam se complementando. 

Além disso, embora não seja um requisito para atuar como corretor, os avaliadores precisam ter ensino superior, que pode ser em áreas como: 

  • Gestão Imobiliária;
  • Engenharia Civil;
  • Arquitetura;
  • Economia;
  • Administração;
  • Contabilidade. 

A partir daí, é necessário concluir um curso de especialização em Avaliação de Imóveis, reconhecido pelo Conselho Federal dos Corretores de Imóveis (COFECI). 

Com essa formação é possível fazer a inscrição no CNAI, o Cadastro Nacional dos Avaliadores Imobiliários – que é a permissão para atuar como avaliador. 

Mas se você ainda não é um corretor de imóveis, não se preocupe: confira nosso guia completo sobre como ser um corretor de imóveis

Como é a especialização em avaliador de imóveis?

especialização em avaliador de imóveis

Como você já viu, a especialização em avaliação de imóveis é uma etapa essencial para atuar como avaliador. A formação ajuda o profissional a aprofundar os conhecimentos técnicos e práticos da profissão. 

Ao longo da formação, os participantes são instruídos em uma série de tópicos para o exercício competente da função. Alguns deles são: 

  • Fundamentos da avaliação imobiliária;
  • Métodos e técnicas de avaliação;
  • Legislação e normas técnicas;
  • Ética e prática profissional;
  • Análise de mercado;
  • Noções de arquitetura e urbanismo. 

Uma vantagem é que a maioria dos cursos de avaliador de imóveis oferece a opção de ensino a distância (EAD). Essa modalidade permite ao estudante estudar no próprio ritmo e de qualquer lugar.

Quanto tempo dura o curso de avaliador de imóveis?

A carga horária mínima do curso de avaliador de imóveis é de 120 horas. Mas a duração total do curso costuma variar, de acordo com a instituição de ensino e a modalidade escolhida (presencial ou EAD).

Como é o mercado de trabalho de um avaliador de imóveis?

A demanda por avaliadores de imóveis anda de mãos dadas com a atividade econômica e a dinâmica do mercado imobiliário. 

Então, em tempos de economia aquecida e transações imobiliárias frequentes – como vivemos agora – a necessidade de avaliações confiáveis e bem fundamentadas aumenta. 

Nesse cenário, os avaliadores conseguem encontrar oportunidades em diversas situações, como: financiamentos imobiliários, disputas judiciais que envolvam propriedades, transações de compra e venda, assim como inventários e partilhas. 

Quais as vantagens de ser um avaliador de imóveis?

A carreira de avaliador de imóveis tem diversos benefícios, especialmente para corretores que desejam ampliar seu escopo de atuação e conquistar mais independência. As principais vantagens são: 

  • Ampliação do escopo de atuação: a especialização permite oferecer um serviço mais completo aos clientes, agregando valor à atuação como corretor;
  • Aumento da renda: a avaliação de imóveis é uma fonte de renda adicional para complementar os rendimentos da corretagem;
  • Maior independência profissional: atuar como avaliador autônomo permite ter mais controle sobre a carreira, definindo os próprios clientes, horários e preços;
  • Diferenciação no mercado: a qualificação extra diferencia cada profissional da concorrência como sendo mais completo e competitivo.

💡Leia também: Onde fazer curso de corretor de imóveis? Veja dicas e informações

Qual a diferença entre perito e avaliador de imóveis?

diferença entre perito e avaliador de imóveis

Muita gente confunde a atuação do perito e do avaliador de imóveis, mas as duas carreiras têm uma diferença importante: o objetivo da avaliação

Tanto o perito quanto o avaliador estão envolvidos com a estimativa de valores de propriedades. Mas, enquanto o avaliador apenas determina o valor de mercado de uma propriedade, o perito é um especialista nomeado ou contratado para prestar um serviço de perícia. 

Geralmente, esse serviço é legal ou judicial, e também envolve a estimativa de valor da propriedade. Mas, nesse caso, com foco em análises técnicas aprofundadas para situações complexas (laudos, processos).

Por que escolher o Colégio Lapa para se especializar

Se você chegou até aqui, é corretor de imóveis com CRECI ativo e cumpre os demais requisitos, resta apenas tomar a decisão de começar sua especialização em uma instituição de ensino qualificada, certo?

Para isso, escolha o Colégio Lapa! Nossa especialização é completa, completamente online (com apostilas, vídeo aulas e chat ao vivo) e o melhor: com um valor acessível e flexibilidade no pagamento.

Acesse a página do curso para saber mais e iniciar seus estudos!  

Conclusão

Neste guia você conferiu como ser avaliador de imóveis, o profissional que determina o valor de um imóvel. 

Para corretor de imóveis, essa é uma opção de especialização que amplia o escopo de atuação. Ou seja, essa carreira não só agrega conhecimento para quem já é corretor, mas também traz mais independência e oportunidades no mercado imobiliário.

Se esse conteúdo foi útil, visite o blog do Colégio Lapa para conferir outros artigos relacionados!